<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d5676375\x26blogName\x3dD%C3%A6dalus\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://daedalus-pt.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://daedalus-pt.blogspot.com/\x26vt\x3d-8110302918440701225', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

2.11.06

Eis tudo o que deixaram os punhais

Prefiro quando não há nada para dizer e o que resta é uma tarde de Quinta-Feira, de janelas abertas e luz esmaecida.
Sempre se disse alguma coisa, apesar da ameaça de chuva, disse-se que alguma vez terias que jogar [o novo PES6] perto demais da queda. Claro que não, nada disso. Havia algures um pássaro em voo melancólico. Concordámos, não o negues agora. Ou talvez não, o dia lembrava as algas cinzentas na baixa-mar de B..., talvez nem houvesse pássaros em movimento. Que ideia. Claro que não poderia haver qualquer pássaro de asa em riste, armada na utilidade que lhe é própria, recortado no horizonte. No dia anterior tínhamos feito o teu fato de anjo com as asas de todos os pássaros. Os que não morreram só voavam porque tinham enlouquecido de dor. Que merda mais triste. Cambiemos. Ala para outro tema. Gosto de romãs e tu também.

Etiquetas: ,